Seu maior concorrente

Olá, querido artista e artesão!

Você sabe quem é o seu maior concorrente? Não é o artista que mora no mesmo bairro que você ou que pinta flores coloridas como você. Não é o artesão que cria peças maravilhosas na sua cidade.

Seu maior concorrente, acredite, é você mesmo. A única pessoa que te impede de ser um artista bem sucedido é você.

A vergonha, o medo das críticas, a frustração por não se sentir alguém aceito, o sentimento de inferioridade, a dúvida por não saber se vai agradar, a falta de apoio… tudo isso pode afastar você dos seus reais objetivos.

Mas, Zilá, como eu posso mudar isso? 

Vou te dar 3 dicas simples, porém muito valiosas, que eu uso para enfrentar esses sentimentos negativos:

– Preste atenção com quem convive e que ambientes frequenta: lembra quando sua mãe dizia que era para cuidar com suas amizades? Ela tinha toda razão! Você é a média das 5 pessoas que mais convive. Se você convive com reclamões, vai ser um também. Se você convive com artistas de sucesso, otimistas, pessoas pra frente e batalhadoras, você será uma também.

– Seja surdo com aquilo que não agrega: a gente só dá aquilo que tem. Quem tem amor dentro de si, dá amor para os outros, quem tem raiva e sentimentos negativos, dá coisas ruins. Se alguém te critica, imagine que no fundo ele te admira, pois jamais teria a sua coragem de fazer o que você faz. Eu mesma fui já criticada várias vezes quando comecei a fazer meus vídeos, mas segui em frente porque meu propósito é muito maior, eu acredito verdadeiramente que posso fazer o artista viver do seu talento e com abundância!

– Escolha o que você quer sentir: nós podemos escolher como nos sentimos, e são as suas emoções que você sente dia após dia que determinarão a qualidade da sua vida.Vamos sentir raiva, dor, preocupação, tristeza, stress, revolta… somos humanos. Porém, cabe a nós escolhermos por quanto tempo esses sentimentos ficarão conosco. É diferente sentir raiva por 10 segundos, ou sentir raiva por 1 mês. Sentimentos ruins são inimigos do nosso foco e da nossa clareza – eles só servem para tirar o foco do que verdadeiramente desejamos.

Por isso, artista, quero lançar um desafio a você: vamos começar a utilizar essas mágicas transformadoras a partir de hoje? Depois eu quero saber o resultado dessa mudança, combinado?

Torço por você, artista! Estamos juntos nessa jornada!

Com amor e admiração,

Zilá Nodari
Anúncios